Servidores do TCE Amapá realizam segunda Campanha Solidária

Janderson Carlos Nogueira Cantanhede - terça, 01 de junho de 2021
Servidores do TCE Amapá realizam  segunda Campanha Solidária
TCE - Comunicação

Ajudar o próximo é um ato de amor, principalmente quando essa solidariedade leva esperança às famílias e instituições comprometidas em ajudar outras pessoas. Foi com esse propósito que servidores do Tribunal de Contas do Amapá realizaram a segunda edição da Campanha Solidária, distribuindo 221 cestas básicas na Apae Santana, Academia de Boxe Nelson dos Anjos e o Centro Espírita Casa de Amor.

As entidades escolhidas para receberem as doações prestam um serviço filantrópico relevante em Macapá e Santana, atendendo famílias carentes e apontando um futuro para crianças, jovens e adultos.

A campanha foi coordenada pela Comissão de qualidade de vida no trabalho do TCE Amapá. Elita Brito membro da comissão responsável campanha, disse que desde o ano passado, quando iniciou a pandemia da covid-19, os servidores do Tribunal de Contas têm se mobilizado para levar ajuda às instituições que realizam serviços filantrópicos, contribuindo assim com quem mais precisa. “Contando com a solidariedade dos servidores, entregamos mais de duzentas cestas básicas acreditando que sempre podemos fazer mais por quem precisa”, disse.

O Centro Espírita Casa de Amor, que desenvolve um importante trabalho de auxílio espiritual e de acolhimento às pessoas necessitadas, foi uma das entidades que recebeu cestas básicas. Um dos coordenadores do Centro, Adonis Augusto Marques, foi quem recebeu a comissão do TCE Amapá.

Para ele, são iniciativas como a campanha dos servidores que alavancam o trabalho filantrópico desenvolvido pela entidade. "O Tribunal de Contas é uma alavanca para realizarmos nossa missão, que é ajudar quem precisa. Vocês plantaram essa semente e ela vai brotar. São iniciativas como essas que nos fazem acreditar que o trabalho dá certo. Muito obrigado", comentou.

A doação das cestas veio em boa hora para o jovem José Mario, de 13 anos, que treina boxe cinco vezes por semana na Academia Nelson dos Anjos. Morando em uma casa humilde em uma das pontes do bairro Congós com a mãe e outros cinco irmãos, enfrenta dificuldade financeira por conta da pandemia. “Tenho conseguido fazer alguns serviços de capina, limpeza, mas a situação é difícil. Essas cestas básicas vão ajudar muitos alunos que estão na mesma situação que a minha ou até pior”, disse.

Na Apae em Santana, a diretora Elizia Almeida ressaltou que mesmo com todas as restrições e distanciamento impostos pela pandemia, o trabalho filantrópico realizado pela instituição não parou nos últimos doze meses. “Temos a felicidade de receber, por dois anos seguidos, as cestas básicas doadas pelos servidores. Que essas doações sejam abençoadas e multiplicadas”, disse.

Para o presidente do TCE Amapá, conselheiro Michel Houat Harb, a realização de mais esta campanha mostra o envolvimento dos servidores não somente com sua função institucional, mas com o próximo que precisa de ajuda. “Foi com muito orgulho que acompanhei a campanha de arrecadação e distribuição de cestas às entidades que, reconhecidamente, prestam um serviço social valoroso. Agradeço a todos que tiveram empenhados nesse ato de solidariedade ao próximo”, destacou.

Na Apae Santana e Academia de Boxe Nelson dos Anjos foram distribuídas 74 cestas básicas em cada uma das entidades. No Centro Espírita Casa de Amor foram 73 cestas básicas.